Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2009

Florzinha Feliz

Deu-me a flor
Como quem presenteia o melhor amigo
Como quem beija os lábios, em arrepio
Como quem vagueia paisagens azuis

Deu-me a  flor
Como quem dispara um grito
Como quem abre um sorriso
Como quem vem a dar

a mais linda flor
que me sorri.

Minha Flor

Preciso lhe dizer que a primavera
Nos fez ganhar mais um dia, um sonho
o certo, o incerto, tudo que virá.

Preciso lhe dizer que alegro-me cada dia
pensando em te encontrar
caminho curto,
em passos longos

Preciso lhe dizer que o passado já não me importa
noites frias, em ruas vazias

Tudo esta cheio, florido
foi só você chegar.

SEM DIREÇÃO

Sim eu tentei caminhar no mesmo sentido.
Te fazer sentido.
Sim eu tentei caminhar por rumos
e te encontrar no final deles.
Mas você preferiu se perder no silêncio.
Mudar direções.
Se prender em casulos.
Se perder de mim.
Sem tempo, sem jeito.
Sem hora, sem relógio.
Sem palavras
e sem direção.

Desencontros

Amiga verde
ciber
nítida.

O ciber espaço é longo

Existem pontos de exclamação
que navegam sem direção

Existem muitos pontos de interrogação
que nos interrogam

Existem os parêntesis
a nos interpor.





E a realidade
a permitir
viver o que não era possível.

Já Passou

Faça do que passou
Seu maior e menor
segredo.

Vento que passou
Não vem
Não sopra
como antes.

Labirinto
Sem guia
são vias
de duas, três, cinco mãos.

Que nos apontão
Em tantas direções
E só exerga-se uma
Acima do chão.

Noite

A noite inquieta
Fez escorrer pela pia
vazia
uma porção de pensamentos.

Anunciando um novo dia.
Simples,
banhado,ao relento.

O termometro marca 20°
Tenho 23 anos e muitos dias a esperar.
Nascer mais um dia.
Enquanto a noite insisti em ficar.